TikTok para escritores: uma ferramenta útil!

Por: Luana Gobbo


Foto de um celular aberto no app TikTok ao lado de uma planta.

NÃO DEIXE DE VENDER POR ACHISMO!


Preciso te contar a verdade: já está na hora de você sair da bolha se quiser vender mais livros.


Atualmente, quais as redes sociais que você, autor, é ativo DE VERDADE? Quais as redes sociais que, assim que o seu público acessa, ele imediatamente já sabe o que você faz, qual é o seu trabalho e onde adquiri-lo? Ou melhor, quais redes sociais HOJE, você se COMUNICA ativamente com seus leitores e cria uma conexão com eles?


Provavelmente sua resposta será: Instagram e/ou Twitter.


Mas e se eu te disser que tem uma outra rede social com fortíssimo potencial de conexão e vendas, mas que ainda hoje é reduzida a uma única palavra: “dancinha”?


O Tiktok é uma mídia 100% de vídeos, e por conta disso, a maioria dos criadores de conteúdo fazem danças, trends com danças e tudo muito “dançante”, de fato. Mas se você usar isso como desculpa para não estar presente no Tiktok ao invés de aproveitar as trends a seu favor, é aí que mora o problema.


Uma coisa muito comum é as pessoas reduzirem o Tiktok a “apenas app de dancinha” e o ignorarem completamente, quando na verdade ele é uma REDE SOCIAL DE VÍDEOS.


Percebe a diferença?


Obviamente que a maioria dos usuários usam e abusam das trends de danças, já que é uma plataforma muito favorável para esse conteúdo, vídeos, lembra?


Mas uma coisa que não te contaram: o público do Tiktok é um dos mais ativos de todas as redes quando o assunto é literatura. A prova disso são esses virais aqui:


https://vm.tiktok.com/ZMNKpyrDf/


https://vm.tiktok.com/ZMNKpSyrW/


Então cadê você, autor, usando os “áudios de dança” a seu favor para vender seus livros?


Bom, agora que você já sabe a importância de ser ativo nessa plataforma, vou te dar um passo a passo da melhor forma de fazer isso SEM TER QUE FAZER NENHUMA DANCINHA, a menos que queira, claro.


Se você criar uma conta no Tiktok com o único pensamento de “preciso viralizar”, você já começou errado. Os vídeos virais possuem estratégia para tanto, e é possível sim chegar nessa etapa tão satisfatória para um criador de conteúdo (já chego nessa parte, continua aqui), mas essa tem que ser uma consequência estratégica, não um foco absoluto. O problema de APENAS focar em viralizar é que pode te frustrar e você querer desistir da plataforma achando que “Tiktok não é para você”.


Tenha em mente que NÃO É TODO VÍDEO QUE VOCÊ POSTA QUE VAI BOMBAR, mas há como ter uma noção de quais são os possíveis virais. O segredo é usar as estratégias certas, ter paciência, e NÃO DESISTIR.


Mas bora para o tutorial. Já prepara o print ou anota em um caderninho porque se eu fosse você, salvava esse conteúdo.



COMO USAR O TIKTOK DE FORMA ESTRATÉGICA:



1- Saiba qual é seu nicho e se mantenha nele.


Se você é autor, obviamente que seu nicho dentro da plataforma é o literário (o famoso booktok), então não confunda seu público postando cada dia sobre um assunto, seja intencional nos níveis de consciência do seu público leitor produzindo vídeos para novos leitores e também para os que já te seguem.



2- Pense como seus leitores pensam.


Existem muitos tipos de leitores: aqueles que gostam de uma fantasia com romance hot; os dorameiros que amam um romancinho delícia; os nerds; os da distopia; os fãs de true crime e investigações; os fanáticos por terror, e assim vai. Com isso, analise e liste TUDO o que seu livro entrega, todas as tropes e elementos e estruture uma persona (leitor ideal) para esse livro, assim, faça conteúdo PARA ESSE LEITOR IDEAL.


Por exemplo: você chegou à conclusão de que um leitor jovem, fã da Marvel, jogos de RPG e que ama fantasia ao estilo Game of Thrones é o leitor ideal do seu livro.


Então por que não mesclar seu conteúdo entre TEMAS QUE ESSE LEITOR GOSTA junto com vídeos sobre seu livro? Essa estratégia traz muito mais conexão com os leitores do que apenas um perfil de “compre meu livro, compre meu livro, olha meu livro, meu livro, meu livro…”.



3- Pesquise os áudios virais do momento e seja ágil.


As trends do Tiktok entram e saem de alta MUITO RÁPIDO, então sugiro você ter um bloco de notas com mini temas sobre seu livro e conteúdos que quer abordar para aplicar no máximo de trends que conseguir.



4- Priorize vídeos curtos.


Não é porque o Tiktok liberou vídeos de até 10 minutos que você vai postar lá um curta metragem, ok? Se conseguir transmitir uma copy chamativa o suficiente em até 15 segundos, será a melhor estratégia para um possível viral.



5- Use e abuse das ferramentas do app.


O Tiktok tem uma função que favorece muito os criadores de conteúdo, que é o áudio em cima da sua legenda. Isso chama muito mais atenção do usuário, já que ele “ouve seu texto” junto com a música (e é aqui que você vai usar uma música que está em alta!).


Pega esse exemplo para replicar: https://vm.tiktok.com/ZMNKpxpcK/



6- Seja sucinto nos textos que você escreve nos vídeos.


E não esqueça de respeitar as margens para que seu texto seja legível e, principalmente, seja o mais claro possível em um texto curto.



7- Use linguagem fácil.


Pelo amor da Deusa, não queira escrever frases como “por obséquio”, porque as pessoas vão ignorar seu vídeo lindamente. Ao invés disso, tente se manter informado dos memes e trends em alta para poder usar termos como “ISSO AQUI É ELITE!”, que vai engajar muito mais. Os usuários do Tiktok não estão ali para ver quem escreve chique ou não, na verdade, usar linguagem extremamente formal nessa plataforma só vai retrair as pessoas porque, vamos combinar, isso dá uma sensação de seminário de faculdade e não de uma rede social descontraída.

(Só se atente ao português também, linguagem fácil não quer dizer escrever errado, ok?).



8- Ao observar suas métricas, note quais vídeos tiveram mais salvamentos.


Esse é o número de pessoas que se interessaram pelo seu conteúdo/livro ao ponto de salvar para consultar de novo. Se esse não é um possível leitor/comprador, eu não sei o que é. O número de visualizações e likes são sim importantes, mas a métrica “interna” MAIS IMPORTANTE de todas ali são os salvamentos. Além disso, claro que as pessoas podem expressar diretamente o interesse pelo seu livro/conteúdo através dos comentários.



9- E por fim, não se prenda a apenas um formato de vídeo.


Use e abuse da sua criatividade, não se limite a apenas uma fórmula. Inove, teste, seja constante, que o resultado vem. Pegue inspirações em criadores de conteúdo semelhantes ao seu nicho, veja o que dá certo e replique. Salve vídeos virais de outros nichos e adapte ao seu. Mas lembre-se, nada de plagiar conteúdos, ok? Inspiração não é plágio! Se postar algo inspirado em algum criador, coloque na legenda “ib: @…”. (“Ib” significa “inspired by”, é a forma que as pessoas dão crédito a outros criadores dentro do Tiktok. Mas você só pode colocar “créditos: @…” também que está tudo bem. O importante é creditar).



E aí, lotou sua galeria de prints ou lotou seu caderno de anotações?


Não se esqueça do principal agora: COLOCAR EM PRÁTICA!


Espero ter ajudado! Beijos da best do Flyvinho <3